O que causa a queda de cabelo e como tratar?

Updated: Feb 23


Cabelo caindo muito? Travesseiros cobertos de cabelos, pia e ralos entupidos… ui! Sem falar da escova de cabelo…


Queda de cabelo é definitivamente um dos maiores motivos que as mulheres se ligam que algo está errado no funcionamento do corpo.

Se você reparar que está perdendo mais cabelo do que o “normal”, é bom investigar logo. A queda de cabelo é definitivamente um sintoma de que um desequilíbrio e que infelizmente pode escalar rapidamente e suas madeixas jamais voltarão a ser como eram…

Então vamos direto ao que interessa: quais as possíveis causas, como testar para entender o que está acontecendo e quais tratamentos devem ser considerados.


Qual o padrão da queda do cabelo?

  • “Buracos” (patchy)? Pode ser desequilíbrio de cortisol, deficiência de vitaminas B ou zinco ou exposição a metais pesados.

  • Afinando? Talvez seja hormônio tireoidiano.

  • Somente no topo da cabeça? Tipo calvice masculina… Testosterona, progesterona, cortisol ou estrogênio podem estar desequilibrados.

  • Perda de cabelo total do corpo? DHEA, regulação do açúcar no sangue ou circulação podem estar envolvidos.

  • Calvície total? Você pode estar com má circulação ou deficiência de proteínas, ácidos graxos essenciais, vitaminas do complexo B, silício ou zinco.

Quais exames de laboratório ajudam no diagnóstico e no tratamento para queda de cabelo?


CBC & Ferritina

Ambos checam a deficiência de ferro. Quando o ferro está baixo, pode ocorrer perda de cabelo. Se sua ferritina for <50, a baixa de ferro pode ser a causa de sua perda de cabelo (mas devagar com o andor… em alguns casos de inflamação a ferritina alto é um indicador de problemas também…).


TSH, T3 livre, T4 livre, anti-TPO, anti-tiroglobulina, RT3

Tudo isso faz parte de uma avaliação completa da tireoide. Sua tireoide pode ser a culpada por sua perda de cabelo.


ANA (anticorpos antinucleares) & Fator reumatoide

Ambos são marcadores de autoimunidade. Existem muitas condições autoimunes que se revelam com a perda de cabelo.


Proteína C- Reativa e Taxa de sedimentação de eritrócitos

São marcadores de inflamação e pode indicar sintomas mais sérios que precisam ser investigados.


Testosterona, testosterona livre, dihidrotestosterona (DHT)

Mais comumente associada à calvície masculina, a testosterona também pode ser a causa da perda de cabelo de uma mulher. A testosterona elevada pode ser devido ao desequilíbrio hormonal ou a uma condição conhecida como SOP.


FSH, LH, Estrogênio, Progesterona

Desequilíbrios nesses hormônios podem causar queda de cabelo, agravar TPM, e criar ciclos menstruais irregulares ou intensos.


Globulina de ligação a hormonas sexuais (GSPS)

É uma proteína produzida pelo fígado e tem como principal função o transporte dos hormônios sexuais no sangue. Se estiver baixo e sua testosterona livre estiver alta, seu tratamento para queda de cabelo deve incluir o aumento de SHBG e a diminuição da testosterona, equilibrando todos os hormônios.


Cortisol, DHEA-S, 17-hydroxyprogesterone

Cortisol é um hormônio "catabólico". Se esses hormônios estiverem desequilibrados, você envelhecerá visivelmente mais rápido, o que inclui a perda de cabelo.


Prolactina

A prolactina elevada pode causar alta de testosterona e dos outros andrógenos também.


Painel Metabolico (CMP)

Teste para checar função hepática e renal, assim como o equilíbrio dos eletrólitos.


Insulina em jejum, Glicemia de jejum, Hemoglobina A1C

Estes são laboratórios de triagem para diabetes. A regulação inadequada do açúcar no sangue pode criar desequilíbrios nos hormônios e impedir a circulação no couro cabeludo.


Teste de metais pesados

Você é artista, trabalha com solda de metais, com produtos químicos? Tem muitas obturações de prata, come muito arroz ou alimentos não orgânicos? Você pode ter muita exposição a metais pesados ​​que podem estar contribuindo para a queda de cabelo.

Lembre-se, você é mais do que um resultado num pedaço de papel! Se o seu médico lhe disse que todos os seus exames estão normais, mas sua perda de cabelo persiste, recomendo procurar uma segunda opinião.


Queda de cabelo Pós-parto

É comum ter queda de cabelo pós-parto devido a grande flutuação hormonal. Normalmente começa 5 meses depois do parto, mas se resolve em 1 ano normalmente. Caso continue, procure seu médico para fazer um exame de sangue para ver como estão os marcadores descritos acima.



Como evitar a queda de cabelo & como crescer o cabelo


Ferro

Se você tem ferritina baixa (<50) ou tem anemia por deficiência de ferro, pode precisar de mais ferro em sua dieta ou de suplementos. Eu não gosto de suplementos de ferro, pois são pobremente absorvidos, causam prisão de ventre e podem alimentar parasitas e vírus. Ferro em excesso pode trazer mais problemas do que soluções e te causar problemas de saúde! Não comece a suplementação sem saber seus resultados e entender a causa do ferro baixo conversando com seu médico. Minha recomendação é cozinhar em panela de ferro, comer fígado e alimentos ricos em ferro antes de suplementar. Estudos recentes mostram o efeito do Covid com alta ferritina e a queda de cabelo, então é bom ter um médico que entenda como interpretar o painel de ferro como um todo antes de começar com qualquer suplemento.


Complexo B

As vitaminas B estão envolvidas em vários processos metabólicos em nosso corpo. Se você está se sentindo estressado, pode ser uma boa ideia suplementar com um complexo B de qualidade que contém metilcobalamina (B12) e metil tetrahidrofolato (folato). Não tome suplementos com ácido fólico… Mas isso é uma conversa para outro dia.


Ervas adaptogênicas

Estas são ervas que ajudam a regular o cortisol (hormônio do estresse) e ajudarão você a começar a equilibrar seus hormônios em geral. Meus favoritos são Rhodiola, Ashwagandha e Alcaçuz. Cuidado com alcaçuz – se você tem pressão alta, esta NÃO é a erva para você.


Exercício físico

Aumenta sua circulação geral, reduz o estresse e ajuda no equilíbrio do nível de açúcar. O melhor tipo de exercício varia de pessoa para pessoa. Se você está estressado, pode se sair melhor com mais ioga e pilates. Se você tem açúcar no sangue ou desequilíbrios hormonais, pode precisar de mais treinamento de força. Apenas afaste-se do “cardio crônico”. Cardio prolongado pode criar mais desequilíbrios hormonais e esgotar suas glândulas supra-renais.


Vinagre de maçã

1-2 colheres de chá antes das refeições ajudarão a aumentar o ácido estomacal, o que permitirá que você absorva mais vitaminas e minerais.


Sementes de abóbora

Ótima fonte de zinco, ajudam a evitar que a testosterona se converta em DHT, que é a forma de testosterona responsável pela calvície masculina.


Saw Palmetto (Serenoa repens)

Esta erva também ajuda a prevenir a conversão de testosterona em DHT. Não recomendado para grávidas ou se você estiver amamentando. Como o saw palmetto influencia os hormônios reprodutivos, incluindo a prolactina, é melhor evitá-lo na gravidez e na amamentação. Nunca comece suplementos sem conversar com seu médico. Saw Palmetto pode aumentar o risco de sangramento se você já estiver tomando anticoagulantes.


Ácido graxo essencial

Comer salmão ou sardinha pelo menos uma vez por semana é uma maneira de aumentar seus ômega-3. Sementes de chia e nozes também são uma ótima fonte de ácidos graxos ômega-3.


Semente de linhaça moída fresca

Recomendo 2 colheres de sopa por dia. Sim, deve ser moída na hora. A semente de linho pré-moída é muitas vezes rançosa antes mesmo de chegar à prateleira do supermercado. A semente de linhaça moída aumenta a SHBG, ajudando a evitar excesso de hormônios.


Não demore a tratar


Eu sei como a perda de cabelo pode ser devastadora, e é por isso que eu não perco tempo em investigar as causas. Se você acredita que tem um desequilíbrio hormonal, por favor, não comece a tratá-lo sozinho sem ter uma compreensão completa da causa raiz. Se você começar a suplementar com hormônios exógenos, poderá piorar sua queda de cabelo.


Vamos conversar? Manda sua mensagem por aqui.


Isabela Fortes é pesquisadora em saúde holística,

Board Certified Holistic Health Expert, Functional Diagnostic Nutrition Practitioner

Certified Iyengar Yoga Teacher Level II

Certified Yoga Therapist

Ela ensina e trabalha com clientes na Califórnia e virtualmente com clientes no Brasil e no mundo.





64 views0 comments

Recent Posts

See All